Brigadeiro, te prometo ser fiel!

Só de pensar em brigadeiro a boca saliva, o coração acelera, as papilas gustativas se animam com a lembrança da sensação de felicidade (serotonina=felicidade e vice-versa).

E considerando a facilidade de satisfazer meu vício, admito que não sabia fazer brigadeiro. Até ser presentada pelo meu marido com “O Livro do Brigadeiro”, da doceira Juliana Motter, do ateliê Maria Brigadeiro.

Aviso: é um verdadeiro perigo à dieta as receitas deliciosas envolvendo nosso amado doce nacional. Perigo que abraço com gosto. Gosto de brigadeiro.

Anúncios

O que você acha? Deixe uma resposta.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s