Dica do amigo (Vinicius)

Livro: “Cotoco – O diário (perversamente engraçado) de um garoto de 13 anos”, de John van de Ruit

Estilo: Comédia (um pouco de drama também)

Tema: a vida de um adolescente da África do Sul na época do fim do apartheid.

Porque vale a pena ler: Tipo de livro que eu chamo de “literatura de metrô”, que você pode ler na ida e na volta do trabalho, um pouco por dia, sem perder a continuidade da história. Escrito na forma de um diário, narra a vida de John Milton, um garoto de 13 anos que vai para um colégio interno na África do Sul, no início de 1990, época em que termina o regime do apartheid naquele país. O momento histórico é tratado em diversas passagens, mas o foco está na vida do garoto no colégio interno, na relação com sua louca família e nas suas desventuras amorosas. Pode parecer meio bobo no início, mas o livro vai cativando o leitor, pois faz lembrar dos tempos de escola e do que se aprontava naquela época, as “profundas questões existenciais” que só a adolescência traz, além de várias referências dos (longínquos?) anos 90. A forte relação de amizade dos “Oito Loucos” identifica-se com aqueles amigos que levamos para a vida toda. Nem tudo, porém, é engraçado na vida de John Milton, que tem de superar alguns acontecimentos importantes em sua vida. O livro virou filme em 2010 na África do Sul e tem duas continuações, ainda sem tradução para o português. Uma “Sessão da Tarde” pra ser lida no metrô, sem pressa, sem compromisso.

Anúncios

O que você acha? Deixe uma resposta.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s