Não passe a vida sozinho

estamos juntos filmeA ótima Leandra Leal dá vida à Carmen, moça que encontrou em São Paulo o palco ideal para realizar seus sonhos: ser médica, escapar de sua família, viver sozinha. Tem um único amigo, Murilo, que por ser gay também não se encaixava na pequena cidade natal.

Sua autossuficiência é posta à prova quando descobre estar doente.

“Estamos juntos” não é uma obra-prima, mas provoca a reflexão sobre a questão do passar a vida sozinho (sem família, amigos próximos); do se distanciar propositalmente dos outros por medo; do quanto a gente precisa de relações de afeto, na forma que vierem.

Também gostei de ver minha cidade (São Paulo) como mais um protagonista, com seus problemas de moradia, ocupação desorganizada, a frieza do certos locais.

Quem quer passar a vida sem nenhum laço afetivo?

Anúncios

2 comentários

  1. Eu sou fã da Leandra e também adoro quando um filme tem SP como cenário. Mais um da minha lista interminável de filmes a serem vistos…rs

O que você acha? Deixe uma resposta.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s