Colorido não afasta tristeza

Eu tinha sido avisada sobre a possibilidade de chorar. Não levei muito a sério. E quando senti as lágrimas brotando, acreditei que minha amiga tinha razão.

Toda vez que leio um livro, vejo um filme ou me incomodo com uma notícia de jornal sobre guerra, entendo menos ainda a razão das atrocidades que são cometidas. Matar talvez possua justificativas em situações extremas. Ser cruel com outro ser humano nunca tem.

Flores do orienteO filme “Flores do oriente”, com Christian Bale, é mais um desses exemplos. Um triste exemplo baseado em fatos reais. Na guerra entre China e Japão de 1937, a capital chinesa Nanquim é invadida. Estudantes de uma escola católica não conseguem fugir a tempo e voltam para a igreja. Um grupo de prostitutas também busca refúgio no local. Some-se a esta mistura o agente funerário norte-americano John, que atravessa a cidade sitiada para realizar e cobrar pelo enterro do padre da cidade, somente para se ver preso neste “esconderijo” de coexistência forçada, já que a tropa japonesa finalmente alcança a igreja e impede que de lá seus “habitantes” saiam.

O diretor Zhang Yimou tempera as cenas de forte violência com um lindo e inesperado colorido. Apesar da beleza plástica, a brutalidade do exército japonês, que teria estuprado 20 mil mulheres chinesas nesta guerra, torna amarga todas as cenas.

Ao final da projeção, minha sensação de tristeza pelo o que se perdeu se sobrepôs à esperança pelo o que se salvou.

Anúncios

7 comentários

  1. Julia, vim te conhecer e ler a dica da Juliana. Não conhecia esse filme, mas conheço várias hstórias dessa guerra ChinaxJapão e nada foi fácil!
    abs
    Jussara

O que você acha? Deixe uma resposta.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s