Crise financeira de 2008

No meu carnaval de filmes temáticos – nada relacionado a samba! – assisti a dois filmes sobre a crise financeira de 2008: “Wall Street – o dinheiro nunca dorme” e “Trabalho interno”.

Fonte 1

Fonte 1

O primeiro, a continuação da famosa ficção de 1987, narra a saída de Gordon Gekko da prisão. Após seu passado de fraudes financeiras, Gekko quer se reaproximar de sua filha. Para tanto, faz-se de amigo do namorado desta (Jacob), operador do mercado de ações que quer se vingar de um grande investidor que, com suas artimanhas, obrigou o chefe de Jacob vender sua empresa por um valor ínfimo.

Não gostei. Os personagens são superficiais e lhes falta nuances. De um maniqueísmo só.

Fonte 1

Fonte 1

Já o documentário “Trabalho interno”, de Charles H. Ferguson é excelente. Acompanha as práticas bancárias que levaram à crise financeira global e à falência da Islândia. Mesmo não entendendo de finanças e mercados de ação, o espectador vai percebendo que não tinha como não dar no que deu: a bolha iria estourar mais cedo ou mais tarde. E os “culpados” dificilmente sofreriam as conseqüências de seus atos. Porque não é um, dois ou meia dúzia de culpados. É um sistema inteiro. Ao final do filme, quase decidi guardar meu dinheiro embaixo do colchão…

Anúncios

2 comentários

  1. Adoro fazer sessões temáticas!
    Essa continuação de Wall Street é bem meia-boca. Nem se compara ao original.
    O outro está na minha lista há tempos. Acho que vou gostar.
    bjo

O que você acha? Deixe uma resposta.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s