“Oryx e Crake”

Muito nada sutilmente, eu sugeri exigi ao meu marido que me desse livros no Natal. Empenhado em acertar, ele leu meu blog atrás de autores cujos livros eu tenha adorado. Do resultado da sua investigação, sagraram-se vencedoras Margaret Atwood e Elizabeth Gilbert.

Da primeira, ganhei “Oryx e Crake”. Se eu lesse a orelha do livro, provavelmente ele não sairia da livraria comigo. Ficção científica não é minha primeira opção de leitura. Por sorte, outras pessoas nos trazem histórias incríveis que por nossa própria vontade não conheceríamos.

Foto por Júlia A. O.

Foto por Júlia A. O.

Margaret Atwood narra o fim do mundo como conhecemos. Acompanhamos Jimmy, que agora quer ser chamado de Homem das Neves, um dos únicos sobreviventes de todas as catástrofes ocorridas com o Homo Sapiens: aquecimento, destruição da natureza, vírus, excesso de pessoas…  Jimmy se vê em farrapos (físicos e emocionais), no meio dos Crakers – seres humanos geneticamente alterados para sobreviver ao colapso da Humanidade.

A curiosidade é enorme no começo do livro para descobrir como a espécie humana desapareceu. O Homem das Neves nos conduz ao passado em flashbacks de sua infância em um dos Complexos (locais protegidos e com boa vida para aqueles dotados de inteligência superior); de sua adolescência com o gênio Crake; de sua juventude em uma faculdade mediana até ser “resgatada” pelo poderoso Crake; de sua obsessão com Oryx, jovem escrava sexual que descobriu em uma de suas milhares visitas a sites de pornografia…

É um livro pesado, sem esperança, com linguagem e cenas que podem incomodar leitores mais sensíveis. O pior é que é muito difícil gostar do superficial protagonista e se importar com o que vai acontecer com ele. Esse ponto dificulta a leitura de quem, como eu, quer sentir uma ligação com o personagem principal. Por outro lado, esse distanciamento serve ao propósito da autora canadense – que escreve tão bem! – de te forçar a enxergar nosso atual comportamento como grupo no planeta e indagar se, como espécie, continuaremos muito tempo na Terra.

Anúncios

1 comentário

O que você acha? Deixe uma resposta.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s