Mistura que não funcionou

caminhos da florestaVocê vê que a Meryl Streep participa do filme e pensa que não tem como errar. Só que nem a Meryl é livre de fazer escolhas ruins. E “Caminhos da floresta” foi uma escolha errada.

Chato, confuso, sem graça. Não se decide se quer ser engraçado ou sombrio, juvenil ou para todos os públicos, moderno ou com um pé na tradição das histórias já consagradas. Ainda que os atores de Hollywood possuam essa incrível capacidade de atuar, cantar e dançar, as músicas são fracas ao ponto de não importar se quem as canta é bom ou não.

O enredo? Uma mistura dos contos infantis da Chapeuzinho Vermelho, Rapunzel, Cinderella e João e o pé de feijão. E uma bruxa. Sempre tem que ter uma bruxa, que nesse caso serve para unir as histórias. Só que as histórias se unem de maneira tão tola e superficial que nem Meryl salva “Caminhos da floresta”.

Anúncios

4 comentários

  1. Conversando com alguns amigos que assistiram ao filme, todos eles adoraram enquanto eu achei zzZZzzzZZzzz Pensei que só eu tinha achado esse filme chato.
    Sem contar que a cada 10 minutos me vem involuntariamente na cabeça “I wish!”

O que você acha? Deixe uma resposta.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s