Correndo no spa? Correndo do spa

Tendo 8 dias a mais de férias que meu marido, não quis gastá-los todos em São Paulo. Como não faz sentido eu viajar para um lugar bacana sem meu preferido companheiro de viagem, imaginei que 3 dias de relaxamento num spa seria uma excelente ideia.

Só que foi uma ideia de girico.

O problema todo consistiu na não correspondência entre o que um spa oferece e o que eu pretendia. Eu pretendia ficar tranquila. E isso significa, para mim, acordar tarde, ler um monte, ver um filme, comer algo gostoso. Um spa (pelo menos o que eu escolhi) oferece acordar cedo, um monte de aula de ginástica e pouca comida.

Ou seja, ao invés de ficar no dolce far niente eu estava passando fome. E sozinha. Imagina o mau humor. E o desalento.

Até que meu marido me “permitiu” desistir, dizendo que se não estava bom, por que eu não considerava voltar antes para casa? Passei o dia jogando com a ideia para lá e para cá na minha cabeça. E quando pensei “por que não?”, um alívio me invadiu e tive a certeza de que era a decisão acertada!

Quando cheguei em casa, vi minha filha dormindo, dei um beijo no meu marido, comi um chocolate e sentei na minha cama para ler uma revista percebi que, sim, era ali que eu queria estar. E que da próxima vez eu não vou decidir nada às pressas, porque para ficar longe da minha família, o programa tem que valer a pena!

De todo jeito, esse post não é para chorar as pitangas de uma escolha errada e sim para contar de forma bem-humorada os acontecimentos nesses 2 dias e meio de spa:

– Não quero nunca mais ver chia na minha frente. Imagina ter quase todos os pratos salpicados com a semente. É melancia com chia. É salada com chia. É frango com chia. Tira essa maldita no meu prato!

– Na sexta eu estava sozinha no spa. No sábado, as companheiras eram uma senhora bem gorda e uma mulher sarada. A mulher sarada era a típica soccer mom (expressão que os americanos usam para aquelas mães que não trabalham, cuidam do corpo e da beleza e ficam em função de buscar e levar os filhos). Bom, além da raiva de ver o corpo da soccer mom que definitivamente não precisava do spa, ela ficava gritando na aula de hidroginástica “queima, queima, queima”. Será que as calorias precisam de incentivo verbal para serem queimadas? Residirá aí minha dificuldade de emagrecer?

– No domingo, minha companheira era uma senhorinha de 102 anos que “alugou” o instrutor de musculação, que não pôde caminhar comigo na orla porque tinha que andar a 1 km/h com ela.

– E falando em velhinhas, os elogios que eu recebi dos professores não surtiram nenhum efeito na minha auto estima. Para quem está acostumado com senhoras de pernas varicosas e dezenas de kilos a mais, é óbvio que impressionavam meu “pique” e “coordenação”. Por mais que esteja longe do corpitcho de uma blogueira fitness, eu sempre fiz ginástica e tenho só 35, né?!

– Senti-me uma daquelas crianças enjoadas para comer. “Será que a banana pode vir sem canela?”. “Será que dá para trocar esse iogurte natural por outra coisa?”. “Não como melão”. “Não como mamão”. “Não como caqui”. “Não como pudim de coco”. E por aí vai… Até que fiquei com tanta vergonha que comecei a comer gelatina, kiwi e outras coisas das quais não gosto só para não me sentir a crica da alimentação.

– A sociedade brasileira não confia no pai. Não bastasse a culpa e a saudade de estar longe da minha filha, quando eu dizia que a deixei aos cuidados do pai, a cara de espanto era geral. Pessoal, minha filha não estava com uma pessoa qualquer, era com o PAI dela. Tadinhos, ninguém bota fé nos pobres pais.

Deu para sentir o drama do meu final de semana, não?

Anúncios

2 comentários

  1. Ai, Julia… não pude deixar de rir com suas desventuras no spa (mas também fiquei com pena por você ter seus dias de descanso frustrados). Eu já nem cogitaria passar perto de algo que tem “spa” no nome…rs. Que bom que no fim você encontrou o que procurava no aconchego do lar.
    bjo

O que você acha? Deixe uma resposta.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s