(Re) (des) evolução da língua

Nos tempos de “tirar uma selfie“, minha sogra fala “tirar um retrato”.

Nos tempos de “mandar um whats“, ouço um senhor na rua pedindo para “enviar um torpedo”.

Em tempos de “touca” e “sunga”, eu inutilmente insisto em “gorro” e “maiô”.

Anúncios

2 comentários

O que você acha? Deixe uma resposta.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s